Rua Euclides da Rocha, Copacabana, Rio de Janeiro 

A Rua Euclides da Rocha começa na Ladeira dos Tabajaras e termina no morro dos Cabritos.

Tuite para os seus amigos: A Rua Euclides da Rocha fica no alto da Ladeira dos Tabajaras em Copacabana

A Rua Euclides da Rocha corta toda a comunidade da Ladeira dos Tabajaras e do Morro dos Cabritos e é a rua principal da Ladeira.

GeoLocalização:

Latitude, Longitude : (-22.9643096, -43.1950571) 

CEP da Rua Euclides da Rocha, Copacabana, Rio de Janeiro:

  • 22031-100 Rua Euclides da Rocha

 Confira a lista completa dos CEP de Copacabana clicando aqui

#Hashtag:

  • #ruaeuclidesdarocha
  • #euclidesdarocha

Rua Euclides da Rocha, Copacabana

Restaurantes na região da Rua Euclides da Rocha

Existem muitos restaurantes na região da Siqueira Campos mas na Euclides da Rocha mesmo só tem uma opção: Point Lanches um legítimo pé-sujo no alto da Ladeira dos Tabajaras!

É também conhecido como o Bar do Baiano (que às vezes é até chamado de Ivan), e da esposa Waldirene!

Legítimo representante da classe dos pé-sujo, o Point Lanches, que surgiu servindo sanduíches e sucos, evoluiu para uma culinária caseira da melhor qualidade!

Entre os destaques peixes em geral e o bolinho de bacalhau (é o mesmo servido na Adega Pérola)!

Fica localizado na Ladeira dos Tabajaras, Rua Euclides da Rocha 546 e tem os telefones 8399-8090 / 9258-5336.

Confira a Lista completa dos Restaurantes  em Copacabana clicando aqui 

A Lista e Reserva dos Hotéis na região da Rua Euclides da Rocha

Apenas hostels região da Rua Euclides da Rocha estão disponíveis para reserva pela localização ou consulte a Lista de Hotéis.

Quem foi o Euclides da Rocha que nomeia a Rua em Copacabana?

Euclides Ferreira da Rocha, médico, CMG capitão-de-mar-e-guerra brasileiro.

Foi o organizador da Enfermaria de Beribéricos de Copacabana, criada em 22 de fevereiro de 1890 para atendimento dos Beribéricos da Marinha.

O beribéri é um estado de carência nutricional, é desencadeado pela diminuição na quantidade de fluidos, inclusive sangue, no organismo e a não reposição das reservas de vitamina B1.

A vitamina B1 é importante entre outras coisas para a condução dos impulsos nervosos. A doença se caracteriza por muita fraqueza, falta de apetite, dificuldade para se movimentar e rigidez nas extremidades dos braços e pernas, alterações de sensibilidade, confusão mental, dificuldade em respirar, edemas subcutâneo e dos músculos dos membros inferiores.

A dença acometia principalmente marinheiros e era altamente incapacitante, gerando licenças médicas que variavam de um a três meses.

Nessa época, final do século XIX, Copacabana era um local praticamente deserto, de difícil e escasso acesso e com clima esplêndido e muito salubre, fazendo de Copacabana o lugar ideal para um sanatório – a Enfermaria de Copacabana – e seu primeiro diretor foi o CMG (médico) Euclides Ferreira da Rocha. O Hospital ficava localizado no caminho que ligava a Rua Real Grandeza a Rua Barrozo, atual Siqueira Campos, trajeto onde foi construído um túnel para passagem de bondes facilitando assim o acesso a Copacabana.

Entre 1890 e 1896, aproximadamente 1.266 beribéricos da Marinha foram tratados em Copacabana. 

Em 22 de março de 1910, sendo Presidente da República o Dr. Nilo Peçanha, e Ministro da Marinha o Vice-Almirante Alexandrino Faria de Alencar, a União adquiriu do Conde de Nova Friburgo uma propriedade que foi incorporada à Marinha para nela estabelecer um sanatório para acomodar os doentes de beribéri. 

A Rua Euclides da Rocha pode ser considerada a rua principal da Ladeira dos Tabajaras!

Pesquise e descubra mais!