Custom Search

Rua Aires Saldanha, Copacabana, Rio de Janeiro 

A Rua Aires Saldanha começa na Rua Bolívar e termina na Rua Almirante Gonçalves.

Tuite para os seus seguidores: A Rua Aires Saldanha é uma rua interna e pouco conhecida de Copacabana

Rua Aires Saldanha em Copacabana

Rua Aires Saldanha em Copacabana

A rua Aires Saldanha é uma rua interna e pouco conhecida de Copacabana que corre paralela às Avenidas Nossa Senhora de Copacabana e Atlântica.

A Aires Saldanha praticamente não tem comércio nenhum e é considerada uma rua tranquila e residencial.

GeoLocalização:

Latitude, Longitude : (-22.9780907, -43.18971090)

CEP da Rua Aires Saldanha, Copacabana, Rio de Janeiro:

  • 22060-030 Rua Aires Saldanha

#Hashtag:

  • #ruaairessaldanha
  • #airessaldanha 

Rua Aires Saldanha, Copacabana

Restaurantes na Rua Aires Saldanha

Vamos dizer que você percorre a extensão da Rua Aires Saldanha em menos de dez minutos e por ser uma rua de fundos e muito estreita não existe muito movimento e praticamente nenhum comércio ainda mais restaurantes! Mas, mesmo assim selecionei algumas opções:

  • Boteco da Garrafa - Rua Bolívar, 27 - telefone 2255-3610
  • Bar do Adão - Rua Aires Saldanha, 13 - telefone 3208-3911 com um chopp gelado e pastéis deliciosos!
  • Mônaco Restaurante, Rua Miguel Lemos, 18 - telefone 2267-0405 um clássico de Copacabana com comida internacional.

A Lista e Reserva de Hotel e apartamento por temporada na Rua Aires Saldanha

Aqui estão algumas de sugestões de hotel e aluguel por temporada na região do entorno da Rua Aires Saldanha, reserve seu hotel em Copacabana pela localização ou consulte a Lista de Hotéis clicando aqui

Rua Aires Saldanha em Copacabana

Rua Aires Saldanha em Copacabana

Quem foi Aires Saldanha que dá nome à rua em Copacabana?

Armas de D. Aires José Maria de Saldanha de Albuquerque Coutinho Matos e Noronha

Armas de D. Aires José Maria de Saldanha de Albuquerque Coutinho Matos e Noronha

Aires Saldanha de Albuquerque Coutinho Matos e Noronha, nobre português, foi governador e capitão-general do Rio de Janeiro 18 de maio de 1719 até maio de 1725.

Nasceu em Goa e foi batizado em Lisboa em 6 de Janeiro de 1681 e morreu em 14 de Novembro de 1756 na sua Quinta da Junqueira, na freguesia da Junqueira.

Foi Aires Saldanha quem canalizou as águas do rio Carioca, desde o morro de Santa Teresa até o de Santo Antônio, construiu um aqueduto, os arcos velhos, depois os Arcos da Lapa - por onde trafegam os bondes de Santa Teresa -, e inaugurou o primitivo chafariz da Carioca, no largo do mesmo nome. 

Seu sobrinho foi Aires José Maria de Saldanha de Albuquerque Coutinho Matos e Noronha, 2º conde de Ega 1755 + 1827, cujos pais foram Manuel de Saldanha de Albuquerque e Castro, 1º conde de Ega * 1712 e a mãe: D. Ana Ludovina de Almada Portugal * 1722 que casou-se a primeira vez em 1786 com: D. Maria do Carmo Xavier de Almada * 1761 e depois em 1800 com: Juliana Luisa Maria de Oyenhausen de Almeida, condessa de Oyenhausen-Graven * 1782.

Seus filhos foram do Casamento I: Violante Maria de Saldanha de Albuquerque Coutinho de Matos Noronha * 1788 cc Tomás Henrique Stattmiller cs Leonor Ana Maria do Resgate de Saldanha e Albuquerque * 1780 cc Augusto Choisil Bèaupré, marquês e conde de Choisil Bèaupré cs Ana Carlota de Saldanha * 1786 , religiosa no Convento das Carmelitas Descalças de Nossas Senhora dos Remédios Manuel de Saldanha Albuquerque Coutinho Matos e Noronha, 3º conde da Ega * 1790 mm Antão José Joaquim de Saldanha de Albuquerque Coutinho Matos e Noronha, 4º conde de Ega * 1794 cc Maria Madalena de Azevedo (Rio Seco).

E você, já conhecia a Rua Aires Saldanha? 

Pesquise e descubra mais!

Custom Search

Esquina da rua aires saldanha com rua xavier da silveira