Hotel Copacabana Palace na praia de Copacabana, Rio de Janeiro, Brasil! 

O Hotel Copacabana Palace fica na Avenida Atlântica esquina com a rua Rodolfo Dantas, na praia de Copacabana, Rio de Janeiro.

Tuite para os seus seguidores: O Hotel Copacabana Palace em Copacabana é o mais luxuoso hotel do Rio de Janeiro desde 1923

 

Avenida Atlântica, 1702 - Hotel Copacabana Palace, Copacabana
Hotel Copacabana Palace

Hotel Copacabana Palace

GeoLocalização:

Latitude, Longitude : (-22.967307,-43.178737)

Endereço

Endereço: Copacabana PalaceAvenida Atlântica 1702

Telefone 21-25487070

CEP do Hotel Copacabana Palace, Copacabana, Rio de Janeiro:

  • 22021-001 Hotel Copacabana Palace

 Confira a lista completa dos CEP de Copacabana clicando aqui

#Hashtag:

  • #hotelcopacabanapalace
  • #copacabanapalace

Restaurantes na região do Copacabana Palace

Selecionamos alguns restaurantes na Rodolfo Dantas e proximidades, apenas os melhores e mais perto, lembrando que esta é a região do Beco das Garrafas

 

Confira a Lista completa dos Restaurantes  em Copacabana clicando aqui 

Hotéis Top5 em Copacabana

Veja abaixo os Top5 Hotéis mais recomendados pelos visitantes de Copacabana ou então  consulte a Lista de Hotéis clicando aqui

Transient

Hotel Copacabana Palace na Praia de Copacabana, Rio de Janeiro

Na verdade mesmo eu tendo nascido no bairro e ter me criado na praia de Copacabana só fui me dar conta daquele "prédio branco" fincado no meio da praia quando tinha uns 8 ou 9 anos de idade. Realmente os óculos já faziam falta!

A descoberta foi acompanhada de histórias que meus pais me contaram sobre aquele edifício enorme que se destacava! Adulto a gente pode chamar o Copacabana Palace de imponente!

Mas acho que o cinema influenciou muito mais! Sim, vários filmes em preto e branco, também tiveram importância na formação do meu imaginário e lembranças sobre o Hotel Copacabana Palace , todos ligados a artistas deslumbrantes passeando pelo entorno da piscina do Copa ou nos salões que a mente criou para aquele garoto. Sempre me lembro de Fred Astaire e Ginger Rodgers num clássico da sessão da tarde em Voando para o Rio - Flying down to Rio de 1933!

 

Hotel Copacabana Palace foi um projeto do empresário Octávio Guinle, encampado pelo presidente Epitácio Pessoa, de construir acomodações modernas e de altíssimo nível, de qualidade suficiente para hospedar reis, rainhas e autoridades e os principais convidados para a Exposição do Centenário da Independência do Brasil, em 1922 e, ao mesmo tempo, criar condições para o desenvolvimento de Copacabana como bairro balneário.

Construído entre os anos de 1917 e 1922 o Hotel Copacabana Palace não ficou pronto a tempo da exposição, tendo sido inaugurado quase um ano depois no dia 13 de agosto de 1923.

Hotel Copacabana Palace

Hotel Copacabana Palace

Além de inúmeros benefícios e incentivos fiscais, uma das exigências de Octávio Guinle foi que o hotel pudesse contar com um cassino. Por conta da aprovação desse empreendimento aconteceu uma grande obra de urbanização da Avenida Atlântica comandada pelo prefeito Paulo de Frontin, concluida no ano de 1919.

Hotel Copacabana Palace foi projetado pelo arquiteto francês Joseph Gire com o comando e a realização das obras realizado pelo engenheiro César Mello e Cunha.

E a tarefa de realizar essa obra foi dificil por inúmeras razões mas principalmente pela dificuldade de fazer a construção em terreno instável e arenoso e as várias ressacas que aconteceram ao longo das obras, em especial a de 1922 que terminou destruindo quase que completamente a Avenida Atlântica e toda a sua reforma feita ainda em 1919.

Ressaca na Praia de Copacabana

Ressaca na Praia de Copacabana

A inspiração nos grandes hotéis dos balneários franceses de Nice e Cannes é explícita, inclusive porque a construção fez uso de muito material importado, o que era lógico de acontecer num país iniciando a industrialização e carente de matérias primas de alto nível ou mais elaboradas. Assim foram importadas toneladas de cimento vindo da Alemanha, de lá também vieram os famosos cristais da Bohêmia, os vidros chegaram da Tchecoslováquia, os famosos mármores de Carrara, da Itália, foram bastante usados e movéis franceses, entre outros luxos!

Foi o primeiro hotel de grande porte construído na praia de Copacabana, que nos dias de hoje é vizinho de dezenas de hotéis de todas as estrelas, para todos os tipos de bolsos, mas na época da inauguração o Copacabana Palace era cercado apenas de poucas casas e mansões o que lhe dava ainda mais destaque e imponência face ao seu tamanho. 

Avenida Atlântica 1941

Avenida Atlântica 1941

Por falar em inauguração, consta que na noite da inauguração aconteceu outro imprevisto com a recusa da artista francesa Mistinguett em fazer o show de apresentação!

As dificuldades do empreendimento foram proporcionais ao tamanho do seu sucesso! 

Já em 1924, o sucessor de Epitácio, o Presidente Arthur Bernardes tentou cassar a concessão alegando atrasos na construção, numa batalha jurídica que se estendeu por dez anos e finalmente ganha pelo Copacabana Palace em 1934! E em 1925 chega a primeira celebridade mundial para se hospedar no Copacabana Palace: Albert Einstein!

Dia de sol na varanda do Copacabana Palace

Dia de sol na varanda do Copacabana Palace

Até o final da década de 1920 o Copacabana Palace ainda seria palco de um "atentado" contra o Presidente Washington Luís quando sua amante, uma senha francesa, numa briga num dos salões do Copa, deu um tiro no presidente sem maiores gravidades e prontamente socorrido pelo Dr. Francisco de Castro, que estava presente na hora. E um incidente também importante foi relacionado a Alberto Santos Dumont, em que chegando ao Brasil em 03 de dezembro de 1928 em viagem marítima no navio Cap Arcona aconteceu um acidente terrível envolvendo vários amigos de Santos Dumont que desejando lhe prestar uma homenagem embarcaram num pequeno hidroavião batizado com o nome de Santos Dumont e numa manobra errada caiu no mar, pegou fogo e explodiu matando de uma só vez Paulo de Castro Maia, Tobias Moscoso, Amoroso Costa, Amauri de Medeiros, Frederico de Oliveira Coutinho e Ferdinando Laboriau. Profundamente abalado, Santos Dumont fez questão de participar das buscas pelos corpos dos amigos e muito deprimido se hospedou no Hotel Copacabana Palace.

Nos anos 1930 os acontecimentos foram muito mais leves e interessantes! 

Yolanda Pereira

Yolanda Pereira

Em 1930 os salões do Copacabana Palace serviram de cenário para a primeira edição do concurso de Miss Universo, na época chamado de "Concurso Internacional de Beleza"!

Havia um desfile de automóveis abertos com as Misses pela Avenida Atlântica para a população e depois desfilaram na hoje famosa varanda do hotel sob aplausos do público aglomerado na frente na calçada onde sagrou-se vencedora a representante brasileira, a gaúcha Yolanda Pereira (Pelotas, 16 de outubro de 1910 -Rio de Janeiro, 4 de setembro de 2001) foi a primeira Miss Universo!

Já em 1931 as ações ficaram por conta do Príncipe Edward de Gales, que depois seria o Rei Edward VIII da Inglaterra, e seu irmão George em sua passagem pelos quartos do Copa! Edward, perdidamente apaixonado por uma jovem brasileira, lindíssima, chamada Negra Bernardez, isso já seria um grande problema se ela não fosse o que na época se chamava de "desquitada" e e, pior ainda, mãe de dois filhos (um deles, Manuel, foi um grande jornalista aqui do Rio de Janeiro e assinava como Maneco Müller!  

No ano de 1933 aconteceu a consagração e internacionalização definitiva do Copacabana Palace quando o Hotel serviu de cenário para o filme americano "Flying down to Rio", estrelado por Fred Astaire e Ginger Rogers e Dolores Del Rio. Neste filme, totalmente filmado em estúdios e praias americanas, a dupla Fred Astaire e Ginger Rogers dança junto no cinema pela primeira vez! O filme foi um grande sucesso (tanto que passava direto nas sessões da tarde da minha infância!) e se transformou num clássico!

Para dar um refresco, no ano seguinte foi encomendado um projeto ao engenheiro César Mello e Cunha de uma piscina que em 1934 seria contruida onde ficava a Pedra do Inhangá e nos dias de hoje é uma das principais atrações do hotel.

Desmonte da Pedreira do Inhangá

Desmonte da Pedreira do Inhangá

E, no final dos anos 1930, é finalmente inaugurado o Golden Room do Copacabana Palace com um show da maior celebridade da época: o francês Maurice Chevalier que fez um show memorável! 

Planta do Golden Room do Copacabana Palace

Planta do Golden Room do Copacabana Palace

Com a chegada dos anos 1940, acontece também a chegada da segunda guerra mundial e da política de boa vizinhança do Governo Roosevelt e do alinhamento de Vargas com os aliados. Isso foi fundamental para o Copacabana Palace já que o Rio era um dos poucos destinos onde se podia viajar sem perigo de ser atingido por bombardeios e com a política de boa vizinhança firmada no ano de 1942 as grandes estrelas de cinema e outras celebridades visitaram o Rio de Janeiro, se hospedando no Hotel Copacabana Palace onde poderiam jogar no fabuloso Cassino!

A lista de nomes é extensa mas de Fred Astaire e Ginger Rogers e Dolores Del Rio até Katerine Hepburn, Clark Gable, Edward G. Robinson, Lana Turner, Orson Welles, Walt Disney (dizem que ele criou os primeiros esboços do "Zé Carioca" ainda num quarto do Copa) entre muitas outras celebridades.

Com o armisticio e o fim da guerra foi desarmada a política de boa vizinhança e logo em seguida, em 30 de abril de 1946, com a proibição do jogo no Brasil pelo decreto do Marechal Dutra foi o momento certo para o início de uma reforma, encomendada ao arquiteto Wladimir Alves de Sousa, que adicionou mais dois andares ao edifício, uma pérgula que é, até hoje, um dos pontos de encontro da alta sociedade e, na Avenida Nossa Senhora de Copacabana foi construído um anexo que foi inaugurado em 1949 enquanto que o Cassino se transformou no Teatro Copacabana que logo se firmou como um dos mais importantes palcos da cidade.

A década de 1950 trouxe o Anexo inovando como um hotel residência para os ricos ou famosos que poderiam dispor de uma privacidade maior e com o mesmo serviço classe A do Copacabana Palace.

E durante os anos 1950 e também nos anos 1960 aconteceram célebres bailes de carnaval nos salões do Copa onde a nata da sociedade carioca da época sem misturava a mulheres lindíssimas e ao fabuloso desfile de fantasias onde a cada baile se apresentavam em fantasias deslumbrantes personalidades com projetos de grandes artistas plasticos! 

Baile de Carnaval do Golden Room do Hotel Copacabana Palace em 1954

Baile de Carnaval do Golden Room do Hotel Copacabana Palace em 1954

Mesmo com a mudança da Capital da República do Rio de Janeiro para Brasilia, nos anos 1960 e com o início de uma certa decadência do Rio de Janeiro, o Copacabana Palace manteve-se intocável no posto de melhor hotel do país onde se hospedavam as grandes celebridades visitando o Rio de Janeiro e centro da vida social do Rio de Janeiro já que a noite de Copacabana fervia com suas boates e clubes noturnos e, sem contar, que o Copacabana Palace ficava a 200 metros do famoso Beco das Garrafas de onde surgia uma música com uma batida diferente...

Uma dessas estrelas que prestigiaram o Copa foi Brigite Bardot, então no auge do seu sucesso! 

Brigite Bardot na mureta do Hotel Copacabana Palace

Brigite Bardot na mureta do Hotel Copacabana Palace

Os anos 1970 viram a grande transformação na praia de Copacabana com as obras de alargamento da Avenida Atlântica que deram ainda mais destaque a um Copacabana Palace já cercado de prédios!

O conjunto do Hotel Copacabana Palace foi tombado em nivel Federal, Estadual e Municipal em 1985 respectivamente pelo IPHAN, INEPAC e DGPC e em 1989 o Grupo Guinle com a certeza da missão cumprida decidiu se desfazer do Copacabana Palace.

O Grupo Orient Express, um dos mais renomados e tradicionais grupos de turismo do mundo adquiriu o Copacabana Palace para em seguida fazer uma grande reforma de atualização de toda a sua estrutura, como se diz hoje em dia um upgrade do Copa do século XX para um hotel moderno em sua estrutura de serviços mas tradicional no melhor sentido inclusive na sua arquitetura. 

E em 2014 uma grande polêmica em torno de uma mudança na bandeira do hotel, de Orient Express - que o grupo avaliou ser mais ligada a transporte que hospedagem - para Belmond, a nova marca internacional dos hotéis de luxo da compania, inclusive alvo de ações judiciais contra a mudança devido ao tombamento como bem imaterial da Cidade do Hotel Copacabana Palace. Mas a qualidade é a mesma só muda a etiqueta!

Dados sobre o Hotel Copacabana Palace


Piano bar

Fica localizado ao lado do Restaurante Cipriani, tem vista para a piscina 
Horário:Segunda-feira a sábado: Meio-dia à 01.30

Restaurante Pérgula

Localizado ao lado da piscina, servindo café da manhã, almoço e jantar

Horários:

Café da manhã: 7.00 às 10.30 (segunda a sexta-feira) 7.00 às 11.00 (sábados e domingos)
Almoço: 12.30 às 16.00

Feijoada: Sábados - 12.30 às 17.00
Brunch: Domingos - 12.30 às 17.00

Jantar: 19.00 à meia-noite

Restaurante Cipriani

É um dos melhores restaurantes do Rio de Janeiro e comandado pelo Chef Nicola Finamore e serve receitas tradicionais e inovadores da cozinha do norte da Itália. Fica no térreo do Anexo e tem vista para a piscina.

Horários:

Segunda-feira a Sábado
Almoço: 12.30 às 15.30
Jantar: 19.00 à meia-noite

Domingo
Almoço: 13.00 às 18.00

Traje: Esporte (para almoço e jantar)

Bar do Copa

Fica na Piscina e oferece drinques exclusivos e aperitivos apresentados pelo Chef Francesco Carli. São drinks, martínis, shots, coquetéis vintage, coquetéis frozen e os drinks signature. Estes são o ponto alto do menu, com bebidas como o Copa, que leva vodca premium, limoncello e caviar, e o Negresco, com vodca preta com infusão, sambuca opal nera e flocos de ouro.

Uma equipe de DJs convidados anima a pista de quinta a sábado.

Avenida Atlântica, 1702. Telefone (21) 2545-8790

Hóspedes estão isentos de entrada às quintas.

Horários:

Quinta Feira - a partir das 22h
Sexta - feira e Sábado - a partir das 22h

Apartamentos:

São 241 apartamentos e suítes sendo 145 acomodações no Prédio Principal, das quais 71 são suítes e 76 apartamentos.

O Anexo, foi totalmente reformado e reinaugurado em 2012 tem vista para a Avenida Nossa Senhora de Copacabana e dispõe de 56 suítes e 40 apartamentos de luxo e com detalhes como: vidro à prova de som, ar-condicionado, banheiro com ducha, TV com controle remoto, telefones com duas linhas e discagem direta internacional, conexão para fax ou computador, mini-bar e cofre. E a cama pode ser King-size, de casal ou de solteiro.

Suites: Existem sete suítes de alto luxo no sexto andar, com piscina exclusiva com vista privilegiada para a
praia de Copacabana tudo embalado por tecidos franceses, tapetes persas e obras de arte! É nessas suítes que ficam celebridades como Lenny Kravitz, Tom Cruise, Madonna e os Rolling Stones!

E mais sofisticação se faz presente na infinidade de detalhes entre os quais destacamos que o Copacabana Palace possui aroma único (o "cheiro de Copacabana Palace") desenvolvido exclusivamente para suas instalações; caixas de bombons personalizadas com os nomes dos hóspedes (que, aliás, são chamados pelos nomes por todos os funcionários); marca de água mineral própria; e dispõe serviços de cabeleireiro, massagistas, fitness center, florista, butique, uma piscina semi-olímpica aberta 24 horas (com água climatizada), quadra de tênis e solarium, além de uma base avançada nas areias da praia de Copacabana.

Quem ficou no hotel Copacabana Palace? Estes são apenas alguns nomes: Frank Sinatra, Justin Bieber, Walt Disney, Rod Stewart, Santos Dumont, Bing Crosby, Gene Kelly, The Supremes, Alain Delon, Liza Minelli, Brigitte Bardot, John Wayne, Henry Fonda, Pierce Brosnan, Orson Welles (morou no anexo por vários meses em 1942), Ed Sullivan, Duran Duran, Givenchy, Catherine Zeta-Jones, Sting, Lenny Kravitz, Tom Wolfe, Henry Kissinger, os Rolling Stones, Mick Jagger (várias vezes), Douglas Fairbank Jr., Nelson Rockfeller, Bill e Hillary Clinton, Carlos Menem, The Platters, Francis Ford Coppola, Arturo Toscanini, Janis Joplin, Paul Mcartney, Mario Soares, Johnny Depp, U2, Guglielmo Marconi, Marlene Dietrich, Kate Pery, John S.D.Eisenhower, Daniela Mercury, TRH Juan Carlos e Sofia da Espanha, Paul Mauriat, Madonna, Jean Claude van Damme, Príncipe Charles, Lady Diana, Tom Cruise, George Michael, Carmem Miranda, Pelé, Errol Flynn, Winnie e Nelson Mandela, Anthony Quin, Vincent Minelli, Patrick Swayze, Alice Cooper, Oscar de la Renta, Anne Rice, Claudia Schiffer, José Saramago, Ricky Martin, Calvin Klein, Anthony Hopkins, Gisele Bundchen, Philip Starck, Miley Cyrus, Valentino, Ava Gardner, Igor Stravinsky, Michael Schumacher... 

Hotel Copacabana Palace, Rio de Janeiro

Hotel Copacabana Palace, Rio de Janeiro